Parceria com Hospital do Amor permite rastreamento de câncer uterino e mama

O secretário municipal de Educação, Cezar Licório, recebeu, na manhã de ontem (15/3), representantes do Hospital do Amor da Amazônia- Pio XII, que solicitaram a agenda para tratar sobre a possibilidade de apoio no rastreamento de câncer de colo do útero e de mama.

A enfermeira, Grace Kelly de Almeida, destacou que, hoje, o câncer de mama é o mais incidente e a primeira causa de morte por câncer entre as mulheres, no Brasil. E ainda que, a região Norte possui a maior taxa de incidência de câncer de colo do útero do país.

“O Hospital do Amor vem realizando diversas ações e firmando muitas parcerias, para que mais mulheres sejam atendidas, com os exames de Mamografia e Papanicolau. Queremos ampliar cada vez mais os serviços, que são totalmente gratuitos. A parceria com a Semed será valiosa”, disse Grace.

O secretário, de pronto, atendeu a solicitação, por entender a importância da ação. “Nossas escolas concentram um grande número de mulheres, servidoras que mantém contato com milhares de outras mulheres, sejam elas mamães, avós ou tias de nossos alunos. Colaborar com a saúde e prevenção dessas mulheres também é nosso papel, pois estamos também cuidando da família de nossas crianças e das mulheres de nossas equipes”, disse ele.

Cezar Licório solicitou, às equipes de Saúde Escolar, Pedagógica e Administrativa, para que montassem uma programação junto ao Hospital do Amor, para disponibilizar o quanto antes os serviços propostos.

De acordo com a equipe, já na próxima semana, deverá ser divulgado o calendário e devida listagem de escolas que vão receber a unidade móvel e a unidade fixa. “Nosso foco é mulheres na faixa etária de 40 a 69 anos, para exame de mamografia, e a faixa etária de 25 a 64 anos, para exame de papanicolau”, observou a enfermeira.

A unidade móvel (carreta) conta com os mais modernos equipamentos e profissionais especializados. Será ela que vai ser disponibilizada em frente às unidades escolares ou em seu entorno. Além de apoio na divulgação, entre os servidores e familiares, a Semed vai ajudar na logística para atender a carreta com a devida ativação dos equipamentos que precisam de energia elétrica.

 

Comdecom