Bombeiros resgatam banhistas após cabeça d’água atingir rio em RO

Cinco pessoas, sendo pai, mãe, filha e dois banhistas precisaram do resgate dos bombeiros de Rolim de Moura e da Polícia Militar, após..

De acordo com informações, os banhistas estavam no rio quando o volume de água subiu repentinamente e o grupo ficou ilhado por quase duas horas, até serem resgatados.

A equipe do Corpo de Bombeiros de Rolim de Moura composta pelo Comandante, Tenente Lindonei, Sargento Adriano e Cabos Cadmo e William, com apoio da Polícia Militar utilizaram um barco e uma corda para realizar o resgate dos banhistas.

“A distância era pequena, porém, a correnteza estava muito forte. Primeiro tentamos com uma corda, mas foi preciso utilizar o barco amarrar uma corda para enfim realizarmos o resgate. O apoio da polícia militar foi fundamental”, destacou o Bombeiro Militar, Cabo Cadmo.

Foram duas viagens, a primeira resgatou três adultos e a segunda mais dois adultos e a criança.

CABEÇA D´ÁGUA

O fenômeno Cabeça d’água acontece quando há rápida elevação do nível de água depois de um temporal, somado ao forte calor e alta umidade do ar. O volume de água pode subir vários metros em pouco tempo, formando uma enxurrada destruidora, sem dar tempo suficiente para que banhistas fujam ou busquem abrigo.

Fonte:Inforondonia