Mulher é presa pela PRF com dois quilos de cocaína e diz que roubou de um traficante

A facilidade com que o crime se desenvolve no Brasil cria situações inusitadas, como a de uma mulher que roubou dois quilos de cocaína de um traficante seu vizinho, em Rio Branco, capital do Acre, e acabou preso em uma barreira de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal, em Rondônia.

Numa situação dessas, a primeira coisa que vem à cabeça é aquela velha máxima: ladrão que rouba ladrão…

Mas a PRF não perdoa não.

Na madrugada desta terça-feira, 12, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Ji-Paraná interceptou um carregamento de dois quilos de cocaína, transportados pela passageira de um ônibus.

À equipe, a infratora confessou que “roubou” a droga de um traficantes, próximo à casa onde vive, na capital do estado do Acre.

A mulher disse não saber para quem ou por quanto venderia os dois quilos de cocaína, transportados junto ao corpo, escondidos em uma cinta modeladora. Acreditou, no entanto, que poderia lucrar um bom dinheiro com essa “oportunidade de negócio”.

Segundo estimativas do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, um quilo de cocaína pode render mais de R$ 40 mil aos traficantes, a depender da forma e preço de venda.

Com informações do Nucom.PRF-RO