“Temos uma transformação para fazer em Rondônia e ela só está começando”, diz presidente da Energisa no Estado

PORTO VELHO – Entre 2018, quando a Energisa assumiu a concessão de distribuição de energia elétrica em Rondônia, e julho de 2020, um em cada três postos de trabalho criados no estado esteve relacionado com as atividades da Energisa. É o que indicam os dados do Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Caged) do período. Em todo o estado foram abertos cerca de 3,5 mil postos de trabalho em todos os setores da economia. Já na Energisa, no mesmo período, o número de colaboradores próprios e terceirizados passou de cerca de 2,5 mil para aproximadamente 4 mil. Ou seja, só a empresa abriu 1.500 novas vagas.

Para o diretor-presidente da Energisa, André Theobald, a geração de empregos é apenas um dos impactos sociais positivos da chegada da empresa ao estado e reflete o trabalho para ampliar o acesso à energia elétrica e melhorar a qualidade do serviço, o que exige profissionais qualificados. “57 mil novos clientes foram ligados na rede elétrica em apenas dois anos, dos quais mais de 13 mil nunca haviam tido energia em casa”, conta, frisando que o número de equipes também aumenta para fazer frente à expansão do serviço.

Theobald explica que as obras que estão sendo realizadas e os empregos gerados são parte dessa transformação estrutural da concessão, ou seja, são um legado que vai beneficiar toda a população por décadas.

“Chegamos há dois anos, mas vamos ficar 30 anos. Esse montante de R$ 1 bilhão é o investimento realizado entre 2018 e 2020, mas vamos manter um ritmo nos próximos anos também. Construir e administrar novas subestações e linhões, sem perder o foco em qualidade, exige pessoal capacitado. Temos uma transformação para fazer em Rondônia e ela só está começando”, afirma.

Para Theobald, é gratificante ver o impacto dos investimentos de mais de R$ 1 bilhão que a empresa vai realizar até o fim de 2020 na vida das pessoas. Além das equipes técnicas, de atendimento e das empreiteiras que realizam obras por todo o estado, ele conta das incursões em vários municípios para ouvir a população e também da escuta que faz com colaboradores próprios e terceirizados.

“O Grupo Energisa administra algumas das melhores distribuidoras de energia do país e não será diferente em Rondônia. Desde que assumimos a concessão, estamos focados em uma mudança de cultura também, direcionada para a melhoria da qualidade do serviço e segurança para colaboradores e a população. Esse diálogo é essencial para isso”, afirma.

Veja na tabela abaixo o resumo dos investimentos realizados em 2019 e 2020. Nos vídeos, estão depoimentos colhidos pela Energisa em suas incursões pelo estado. Os municípios de Espigão do Oeste, Alta Floresta, Alvorada do Oeste e Jaru estão entre os destinos dos investimentos do grupo em 2020.