Deputado Lazinho reconhece atitude responsável da Seduc sobre a volta às aulas

Por videoconferência, o deputado Lazinho da Fetagro (PT), abordou três temas na sessão desta terça-feira (03) da Assembleia Legislativa. O destaque ficou por conta de seu reconhecimento à atitude da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), sobre o retorno das aulas na rede de ensino.

Ele relatou que participou de uma audiência pública, promovida pela Seduc, de forma on line, para discutir a volta às aulas. “Parabenizo a atitude do secretário da Seduc, Suamy Vivecananda, e ao governador Marcos Rocha, por dar liberdade de trabalho à Secretaria. A Seduc levou em conta pesquisa junto à sociedade”, destacou.

De acordo com Lazinho, “é claro que o retorno ás aulas é importante, mas a vida é muito mais importante. Não podemos, por irresponsabilidade, adiantar esse processo de retorno ás aulas. Isso precisa ser trabalhado, para o próximo ano. Não podemos colocar nossas crianças num risco maior”.

Representação

Sobre a instalação da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar para apurar representações contra o deputado José Lebrão (MDB), Lazinho disse acreditar que “a Comissão terá responsabilidade, vai respeitar os prazos e apresentar o relatório de forma equilibrada e responsável. Não trata-se de caça às bruxas, mas de cumprir o nosso papel. Cada um tem a sua liberdade de ter o seu voto, pela ética, pela justiça e pela responsabilidade”.

Por fim, Lazinho da Fetagro falou sobre o PL 481, de iniciativa do Executivo, que ele pediu vistas, mas agora já liberado para apreciação no plenário.

“Tratar de terras de quilombolas e indígenas, deve ser feito pela União. A regulamentação dessa lei, no futuro, que ocorra com a participação desse Parlamento. Não queremos prejudicar, mas contribuir e temos certeza de que as propostas nas emendas vão aperfeiçoar a matéria”, finalizou.

 

 

 

 

Texto: Eranildo Costa Luna-ALE/RO

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO