Ariquemes é o terceiro maior produtor de peixe do país

Compartilhar

A revista Seafood Brasil, de circulação nacional e referência em conteúdo sobre a piscicultura, divulgou reportagem em sua edição de dezembro, com os municípios com a maior produção de peixe no Brasil. A cidade de Ariquemes possui lugar de destaque, ocupando a terceira colocação.

Segundo levantamento feito pela revista, o maior produtor de peixe do Brasil é a cidade de Nova Aurora (PR), seguido por Morada Nova de Minas (MG), Ariquemes (RO), Toledo (PR) e Aparecida do Taboado (MS) – o município de Ariquemes possui um diferencial, pois é o único que produz exclusivamente peixes nativos, sendo que o Tambaqui é o carro-chefe da cidade rondoniense, enquanto as demais cidades cultivam também peixes exóticos, como a Tilápia.

IBGE x PEIXE BR

A revista também destaca a diferença das metodologias usadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Associação Brasileira de Piscicultura (PeixeBR).

Por exemplo, no ano de 2019, o IBGE apontou uma produção em Rondônia de 48,7 mil toneladas de peixe por ano. Já a Peixe BR estima que o Estado produziu cerca de 68,8 mil toneladas.

Para o presidente da Associação de Criadores de Peixes de Rondônia (ACRIPAR), Francisco Hidalgo Farina, a produção anual de Rondônia deve passar de 90 mil toneladas, levando em consideração a quantidade de alevinos e de ração colocados no mercado no período correspondente a safra do ano de 2019.

GEORREFERENCIAMENTO

Devido às imprecisões nos dados sobre a produção aquícola de Rondônia, a ACRIPAR desenvolveu uma parceria com a Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e a empresa Bússola Farm para a realização do georreferenciamento das propriedades produtoras de peixe em Rondônia, com informações sobre produtividade e área utilizada para a produção de peixe.

“Rondônia já é destaque nacional na produção de peixe. Queremos agora certificar e georreferenciar a nossa produção, para garantir segurança ao mercado, principalmente no aspecto da industrialização do peixe produzido no nosso Estado”, afirma Farina.

A Bússula Farm vai iniciar a coleta de informações e entrevistas com os piscicultores de Rondônia pelas cidades de Ariquemes e Machadinho D’Oeste. A previsão é de que em junho o trabalho seja concluído e a ACRIPAR e outros parceiros sejam detentores do mapeamento do peixe de Rondônia (MAPEIXE).

 

 

 

Por Luiz Martins

Compartilhar