Queda durante trilha em Vilhena, frentista está em coma induzido em hospital de Cacoal

Compartilhar

Por Planeta Folha
Está internado na UTI do Hospital de Emergência e Urgência de Rondônia (Heuro), em cacoal, há cinco dias, o frentista vilhenense Kennedy Sousa. Ele tem 31 anos e foi transferido para aquela unidade após sofrer um acidente de moto quando praticava trilha nos arredores de Vilhena.

De acordo com uma amiga da família, Kennedy havia deixado de praticar o esporte há algum tempo, mas há duas semanas, após adquirir uma nova motocicleta, retomou a atividade.

Acompanhado de um amigo, o frentista saiu de casa no domingo, 10, Dia das Mães, e foi para a aventura. A certa altura do trajeto, ele teria perdido o controle do veículo ao passar por uma valeta causada por erosão, numa área próxima à zona urbana de Vilhena.

O companheiro de trilha acionou os Bombeiros, que resgataram Kennedy e o levaram para o Hospital Regional. De lá, poucas horas depois ele foi encaminhado para o hospital de Cacoal.

Conforme a entrevistada, o esportista sofreu três traumas na cabeça e há suspeita de fratura na bacia. Ele já passou por cirurgia e, no momento, está em coma induzido. Os médicos devem submetê-lo a uma tomografia para verificar o quanto o cérebro foi atingido.

Fonte: Folha do Sul

Compartilhar